domingo, 25 de janeiro de 2015

As guerras santas abordadas em letras de Heavy Metal - Por Samuel Coutinho


O atentado terrorista que vitimou 12 pessoas em Paris foi marcado mais uma vez como tendo a "fé islâmica" como responsável. 

Por causa de uma charge criada pelo periódico francês Charlie Hebdo, referente a uma piada sobre o profeta islâmico Maomé, terroristas ligados ao islamismo invadiram a empresa e atiraram contra os cartunistas que trabalhavam no local. 

Este acontecimento trágico foi um exemplo do que acontece frequentemente, quando o fanatismo religioso é o principal fator de tanta matança em nome de um deus. 

A religião sempre foi um câncer para a humanidade, algumas culturas levam a crença tão a sério que chegam a matar por causa disso.

Nos dias atuais muito se fala sobre a guerra e o caos que se propagam em países como a Síria, Iraque, e muitos outros que estão ligados ao terrorismo islâmico. Para piorar, esta seita parece crescer a cada dia, deixando sua marca de devastação em gente inocentes que não aceita entregar suas vidas ao islã. 

Como resultado, pessoas são executadas a troco de nada, apenas por não crerem na mesma religião imposta por essas mentes doentias que infestam o mundo.

Algumas bandas de heavy metal sempre retrataram o tema em suas letras, em sua grande maioria detestando o conceito. 

Religião sempre foi um assunto muito delicado de se debater, mas ultimamente vem se tornando motivo de desunião entre os povos. Nada contra a fé de ninguém, mas tudo tem limite e manter a crença apenas para si mesmo é o melhor a se fazer. 

Abaixo listei algumas das letras de bandas como MEGADETH, SEPULTURA e IRON MAIDEN que já falaram sobre o tema em suas músicas. Confira as letras a seguir:

Sepultura - "Mass Hypnosis":

Olhando por dentro, seu futuro incerto
O medo cresce como uma doença incurável
O silêncio agoniza, a palavra soa forte
Olhe dentro dos olhos, deixe este mundo
O ódio corre pelas artérias
Hipnose em massa
Incerto em estar de volta
Eles te fazem se sentir tão bem
Tudo está obscurecido
Obedeça como um tolo
O ódio corre pelas artérias
Hipnose em massa
Soldados indo a lugar algum
Fiéis que se ajoelham sobre os seus pecados
O instinto cruel de líderes covardes
Faz o mundo andar à maneira deles
Dezenas de milhares hipnotizados
Tentando achar uma razão, o por quê
Olhe dentro de seus olhos vazios
Obedeça até o fim
Olhando por dentro, seu futuro incerto
O medo cresce como uma doença incurável
O silêncio agoniza, a palavra soa forte
Olhe dentro dos olhos, deixe este mundo
O ódio corre pelas artérias
Hipnose em massa
Soldados indo a lugar algum
Soldados cegos por suas crenças

Ungodly - "Murderers In The Name of God":

Através do espesso nevoeiro escuro da noite
Em um momento em que a morte trouxe deleite
Bárbaros insanos sedentos de sangue
Caçando aqueles que se opõem a suas leis
Gritos, galopes e rugidos foram ouvidos
Ecoando pela penumbra da noite
Olhos de fogo anunciam a morte
Disfarçada pela vontade de deus
Eles agiram da forma mais cruel possível
Pegando um Homem inocente a força
Acusado de blasfêmia e heresia
Seu pesadelo está apenas começando
"Está possuído Homem herege e descrente
Que não teme a fúria do Senhor dos céus
Em nome de deus você está condenado
Para arder no fogo da Salvação!"
Captura, tortura - O ritual de morte já começou
Sofrimento, dor - excedendo os limites humanos
Brutalidade, bestialidade - satisfaz os mais impuros dos desejos
condenação, destruição - A vingança profética se concretizará ...
"Mais cedo ou mais tarde o seu fim chegará
Seus templos cairão em ruínas
Vocês vão ser traídos por sua própria fé
A fé em um deus criado por sua ignorância!"
"Eu profetizo o dia em que não mais existirá
Assassinos em nome de deus
O Solo negro não demorará em elevar-se no horizonte
Anunciamos o fim do seu reino de hipocrisia ... "

Megadeth - "Holy Wars...The Punishment Due":

Irmão matará irmão
Derramando sangue pela terra
Matando em nome da religião
Algo que eu não entendo
Tolos como eu, que cruzam o mar
E chegam a terras estrangeiras
Pergunte ao rebanho, por suas crenças
Vocês matam em nome de Deus?
Um país que é dividido
Certamente não resistirá
Meu passado se apagou, chega de desgraça
Não resta nenhum tolo
O fim está próximo, é evidente
Faz parte do plano mestre
Não olhe agora para Israel
Ela poderia ser sua terra natal
Guerras santas
Sobre o meu palanque, enquanto o
Sábio estadista
Senta no banco do meu julgamento
A batida do martelo, apóia a lei
Em minha saboneteira, um líder
Determinado a mudar o mundo
Aqui em meu púlpito enquanto uma pessoa
Mais santa que você, pode ser o mensageiro de Deus
Faça a guerra no crime organizado
Ataques sorrateiros, repelem as pedras
Atrás das linhas
Algumas pessoas se arriscam a me dar emprego
Algumas pessoas vivem para me destruir
De um jeito ou de outro eles morrem
Eles mataram minha esposa, e meu filho
Na esperança de me escravizar
Primeiro engano, último engano! Pago pela aliança, para matar todos os gigantes
Próximo erro... não há mais erros!
Preencha as rachas, com granito judicial
Porque eu não digo isto, eu não quero dizer que esteja
Pensando nisto
Próxima ação você sabe, eles tomarão meus pensamentos
Eu sei o que eu disse, agora devo gritar de overdose
E a falta de assassinatos por misericórdia

Iron Maiden - "For The Greater Good for God":

Será você um homem da paz
Ou um homem da guerra santa? Há muitos lados para se escolher
Não sei mais qual deles tomar
Tantas pessoas cheias de vida
Mas também cheios de dor
Não sei quantos irão
Viver para respirar novamente
Uma vida que foi feita para respirar
Destruição ou defesa
Uma mente que se envaidece na corrupção
Boas ou más intenções
Um lobo em pele de cordeiro
Ou santo ou pecador
Ou alguém que acreditaria
Um vencedor da guerra santa
Eles disparam tantos tiros
e fazem tantos ataques
As atitudes deles estão além da compreensão
Apenas deus saberia
E enquanto ele se encontra no paraíso
Ou seria no inferno
Eu sinto que ele está aqui em algum lugar
Ou então está me olhando de baixo
Mas eu não sei, não sei
Por favor me diga agora o que é a vida
Por favor me diga agora o que é o amor
Ora, me diga agora o que é a guerra
Novamente me diga o que é a vida
Mais dor e miséria na história da humanidade
As vezes mais parece que
o cego está guiando o cego
Isso nos impõe mais pestilência, morte e guerra
Você sabe, a religião tem muito a que responder
Por favor me diga agora o que é a vida
Por favor me diga agora o que é o amor
Ora, me diga agora o que é a guerra
Novamente me diga o que é a vida
E enquanto eles procuram achar os corpos sob a areia
Eles encontram suas cinzas
Espalhadas pela terra
E enquanto seus espíritos parecem assobiar junto ao vento
Um tiro é disparado em algum lugar, outra guerra começa
E mesmo com tudo isso você pensou
Que nós iríamos aprender algo
Mas a contagem de corpos continua, a cidade está em chamas
Em algum lugar há alguém morrendo
Numa terra estrangeira
Enquanto isso o mundo chora pelo estupidez do homem
Me diga porque, me diga porquê...
Por favor me diga agora o que é a vida
Por favor me diga agora o que é o amor
Ora, me diga agora o que é a guerra
Novamente me diga o que é a vida
Por favor me diga agora o que é a vida
Por favor me diga agora o que é o amor
Ora, me diga agora o que é a guerra
Novamente me diga o que é a vida
Pelo bem maior de Deus
Por favor me diga agora o que é a vida
Por favor me diga agora o que é o amor
Ora, me diga agora o que é a guerra
Novamente me diga o que é a vida
Por favor me diga agora o que é a vida
Por favor me diga agora o que é o amor
Ora, me diga agora o que é a guerra
Novamente me diga o que é a vida
Pelo bem maior de Deus
Ele deu sua vida por nós, ele caiu perante a cruz
Para morrer por todos aqueles que nunca lamentaram sua perda
Não fomos destinados a sentirmos tal dor novamente
Me diga o porquê, me diga o porque

Essas foram algumas das canções que abordam o tema. Obviamente faltaram muitas, sinta-se à vontade para indicá-las nos comentários.




Nenhum comentário: