terça-feira, 11 de agosto de 2015

Bíblia ganha nova tradução em espanhol para o contexto latino-americano



Sai à luz o Novo Testamento traduzido por especialistas latino-americanos na Escola Bíblica do Celam [Conselho Episcopal Latino-Americano]. 

Tal trabalho foi apresentado recentemente a jornalistas do continente pelo monsenhor Santiago Silva Retamales, do Chile, diretor das equipes de tradução da Bíblia e um dos tradutores do Novo Testamento; pelo padre Carlos Junco, do México, um dos tradutores do Antigo Testamento; e pelo monsenhor Juan Espinoza, secretário geral do Celam e reitor do Cebitepal [Centro Bíblico Teológico Pastoral para a América Latina e Caribe].

Monsenhor Santiago Silva expressa que tal tradução, da qual participaram 26 profissionais, levou em conta especialmente três chaves:

1- Que a mensagem da Bíblia chegue ao povo para levá-lo a Jesus, efetivando a Nova Evangelização;

2- Levar ao espanhol o que os autores efetivamente dizem, mas no contexto atual do receptor, para que toque a vida concreta.

3- A tradução se encontra em sintonia com os ensinos da Igreja, dado que foi entregue a uma comunidade concreta: a própria Igreja.

O trabalho foi solicitado há 11 anos pela Conferência Episcopal dos Estados Unidos, para que os hispânicos em dito país contem com uma tradução em idioma espanhol com a inclusão de expressões características típicas da América Latina, com a consciência que a mesma será um aporte importante para a evangelização do mundo hispânico na América. Esta Conferência Episcopal assumiu os custos do trabalho, enquanto que o Celam se responsabilizou pela tradução. Trata-se de uma Bíblia traduzida por hispano-falantes da América, para hispano-falantes da América.

Monsenhor Silva ressalta que a tradução não pretende ocupar o posto que outras Bíblias têm no campo da evangelização de tantos cristãos, mas que se trata mais bem de uma nova Bíblia, que as complementa.

Se bem que os textos bíblicos desta edição sejam acessíveis a todo leitor, o trabalho apresenta notas dirigidas especialmente não tanto a teólogos, mas a agentes de pastoral e catequistas, para facilitar sua tarefa evangelizadora. 

O trabalho de tradução e edição do Antigo Testamento se encontra em sua última fase e, em poucos meses, o Celam apresentará a tradução completa da Bíblia para hispano-falantes da América.


Em maio passado, o presidente e o secretário geral que saíram do Celam, monsenhor Carlos Aguiar Retes e monsenhor Santiago Silva Retamales, entregaram ao Papa Francisco a versão do Novo Testamento da Bíblia da Igreja da América.




Nenhum comentário: