quinta-feira, 16 de outubro de 2014

Recomendação

Partindo do conceito de cuidado (teológico e psicológico), a autora mergulha nos meandros da vida pastoral, colhe depoimentos e investiga teorias. 


A questão é complexa, e ela nos faz navegar pelas contribuições de várias ciências com maestria e profundidade. 

Traz reflexões que alertam sobre as resistências a se deixar cuidar e o estresse resultante sob a forma de síndrome de Burnout, convidando todos os que cuidam de outros a repensarem a forma como tratam a si próprios. (Karin H. K. Wondracek)







Nenhum comentário: