terça-feira, 21 de abril de 2015

Eleito o novo presidente da CNBB


Arcebispo de Brasília, Dom Sérgio da Rocha foi o mais votado entre os bispos, com 196 votos.

O arcebispo de Brasília, Dom Sérgio da Rocha, de 55 anos, é o novo presidente da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB). Ele foi eleito ontem pelos religiosos que participam da Assembleia Nacional dos Bispos, no Santuário Nacional de Aparecida, no interior de São Paulo. 

Dom Sérgio foi escolhido ainda na primeira votação, ao receber 215 votos, que superaram os dois terços (196 votos) necessários para a eleição. Ele vai substituir Dom Raymundo Damasceno, arcebispo de Aparecida, que ocupou o cargo por quatro anos. Dom Damasceno poderia ser reeleito, mas já havia dito publicamente que declinava ao cargo. 

A função do presidente da entidade é definir os rumos da Igreja Católica no país. Dom Sérgio vai ocupar a presidência da CNBB pelos próximos quatro anos, podendo ser reeleito. Ele assume o posto sexta-feira, em um período em que a Igreja Católica tenta atrair novos fiéis no Brasil, além de conter a evasão, o número de católicos vem caindo nos últimos anos.

Mestre em Teologia e Filosofia


Dom Sérgio nasceu em 1959, na cidade paulista de Dobrada. Aos 25 anos, foi ordenado presbítero na Matriz do Senhor Bom Jesus de Matão, também em São Paulo. Em 2001, com 42 anos, foi nomeado bispo pelo então papa João Paulo II, para atuar como auxiliar em Fortaleza. Em janeiro de 2007, o então papa Bento XVI o nomeou como arcebispo coadjutor da arquidiocese de Teresina (PI). Também pelo papa Bento XVI, em 2011, foi nomeado arcebispo metropolitano de Brasília. Dom Sérgio estudou Filosofia no Seminário de São Carlos (SP) e Teologia na Pontifícia Universidade de Campinas (SP). É mestre em Teologia Moral.




Nenhum comentário: