segunda-feira, 13 de abril de 2015

Moção do CONIC: sobre os cristãos perseguidos


Nos reunidos(as) na Assembleia do Conselho Nacional de Igrejas Cristãs do Brasil, na cidade de Brasília, nos dias 9 a 11 de Abril de 2015, diante dos pedidos de solidariedade com as igrejas da Síria, Egito, Paquistão, Iraque, Nigéria e Quênia. 

Constatamos um aumento da violência, perseguição e morte contra minorias religiosas, incluindo entre elas igrejas e comunidades e pessoas cristãs.

Como representantes de Igrejas que buscam viver em respeito e convívio solidário, entre si, e com outras matrizes religiosas, repudiamos o desrespeito e a violência contra liberdade de crença de pessoas e povos, e da sua livre organização e culto, assim como a apropriação compulsiva de bens e sequestro, levando estas pessoas a viver em situação de extrema miséria e insegurança. Condenamos também o uso da religião como justificativa para etnocídio, genocídio, ou qualquer forma de dominação, exploração e morte.

Nós nos manifestamos exigindo dos governos e organismos internacionais que repudiem este tipo de ação, dando amparo e refúgio às pessoas envolvidas. Que sejam exigidas do governo brasileiro gestões diplomáticas que garantam os tratados internacionais assinados pelo Brasil.

Conclamamos a todas as Igrejas membro, e demais pessoas cristãs e de boa vontade a orar, pedindo serenidade, força, paciência, ânimo, firmeza, coragem, sabedoria e esperança, especialmente para as pessoas que vivem este imenso sofrimento e dor. Também oramos pelas pessoas que praticam esta perseguição, no sentido de se reencontrarem com sua humanidade e aceitarem o caminho da paz.

Delegados e Delegadas da XVI Assembleia Geral do Conselho Nacional de Igrejas Cristãs do Brasil – CONIC


Brasília, 10 de abril de 2015





Nenhum comentário: