sexta-feira, 10 de julho de 2015

O crescimento do Islamismo na África – Por Sandra Maria Duarte


Ultimamente os telejornais tem mostrado imagens de centenas de nigerianos que se aventuram ao mar em embarcações improvisadas para poderem fugir da Nigéria. 

Metade destes Nigerianos morrem afogados quando suas embarcações naufragam. A outra metade é resgatada por navios de países europeus; e a Itália está ficando abarrotada de nigerianos, que não param de chegar. Mas por que os nigerianos querem tanto fugir de seu próprio pais e ir para a Europa? Por que não vão para outros países do continente africano?

A Nigéria é a 20ª maior economia do mundo, nada mal considerando-se que há 189 países neste planeta. A Nigéria atualmente, segundo dados de 2014, possui mais dinheiro e uma economia melhor do que a da África do Sul. Então por que os nigerianos estão tão desesperados a ponto de arriscarem a própria vida em alto-mar para caírem fora de lá?

Acontece que a Nigéria é o pais mais populoso da África com 177 milhões de pessoas em um território de somente 923,768 km2. Metade do pais é de religião islâmica e o islamismo prega a reprodução para que possam um dia dominar toda a África e a Europa. Os homens islâmicos podem casar com diversas mulheres para assim poderem ter mais filhos e espalhar a crença no islamismo.

Os cristãos que um dia foram a maioria, agora são perseguidos pelos islâmicos do Boko Haram que estão tentando instalar na Nigéria a lei fundamentalista islâmica Sharia. Os islâmicos do Boko Haram estupram as mulheres cristãs para que elas engravidem e assim possam parir filhos islâmicos, visto que na cultura muçulmana os filhos pertencem ao pai e a mãe é simplesmente uma reprodutora.

Os homens são perseguidos, torturados e mortos. Em resumo, a Nigéria vive atualmente um ataque terrorista por parte de grupos islâmicos radicais e a população não-muçulmana tenta em desespero fugir da Nigéria. 

Para evitar deixar os cristãos aborrecidos com os muçulmanos, a notícia é filtrada para o continente americano visto que este ainda possui uma maioria cristã. Para obter detalhes do que realmente ocorre na Nigéria e na África eu recomendo os noticiários da Aljazeera.

A religião islâmica vem crescendo no continente africano nos últimos anos, e em 2002 a estimativa era de que 45% da população deste continente era islâmica. As maiores concentrações de muçulmanos estão localizadas em todo o norte e no oeste da África, assim como na Somália. A maioria das pessoas não sabem, mas a Somália foi o primeiro país africano a reconhecer o islamismo como sua religião oficial, antes mesmo da Arábia Saudita!


Sandra Maria Duarte - Professora, Psicanalista e Geógrafa formada pela Universidade de São Paulo. Criadora do blog Indiagestão, o primeiro blog sobre a Índia. Uma pessoa aprendendo com a vida e compartilhando seus aprendizados.  Contato:  indiagestao@yahoo.com







Nenhum comentário: