quinta-feira, 9 de janeiro de 2014

Culto messiânico dá início à programação comemorativa de posse dos novos dirigentes do TRT-MA - Por Wanda Cunha

Dando início à programação comemorativa de posse dos novos dirigentes do Tribunal Regional do Trabalho da 16ª Região (TRT-MA) para o biênio 2014-2015, desembargadores Luiz Cosmo da Silva Júnior (presidente) e James Magno Araújo Farias (vice-presidente), foi celebrado culto messiânico, na manhã da quinta-feira (19/03), no auditório Ari Rocha, no prédio-sede do Tribunal, na Areinha.

O culto foi celebrado pelo reverendo José Raymundo Costa Ferreira, da Igreja Messiânica Mundial do Brasil, Região Norte. O reverendo é responsável pela Igreja na Área São Luís, que compreende os Estados do Maranhão e Piauí. Na abertura, a cantora Mila Camões interpretou a música da igreja “Luz do Oriente”.

Iniciada a celebração, o Altar Messiânico foi apresentado pelo locutor da igreja José Ribamar Portela e Silva, que explicou que, no Altar, está a Luz Divina, perante a qual os messiânicos oram ao Supremo Deus. As oferendas que nele estão depositadas representam a materialização do sentimento de gratidão dos messiânicos pelas bênçãos que recebem da natureza. Disse que à direita do altar, encontra-se a fotografia do fundador da Igreja Messiânica Mundial; e à esquerda, encontra-se um arranjo de ikebana estilo Sanguetsu, que representa a importância do Belo em suas vidas.

Em seguida, o reverendo José  Raymundo Costa Ferreira fez a oração Amatsu Noritu (uma oração de agradecimento a Deus, pela permissão da vida e pela missão de cada um na terra como instrumento de Deus; é entoada em japonês e, em seus  fonemas milenares, reside o sentido de purificar tudo o que existe entre o Céu e a Terra). Em prosseguimento, foi feita a Oração do Senhor (Pai-Nosso).

Após, o reverendo ministrou Johrei em todos os presentes. Johrei  é um dos métodos pelos quais os fiéis da Igreja Messiânica vêm obtendo bons resultados. “Ao ministrar o Johrei, que é a Luz Divina transmitida através do homem, tanto o espírito da pessoa quanto a matéria são purificados e a pessoa, naturalmente, eleva seu nível espiritual, passando a ter uma vida repleta de saúde, paz e prosperidade”, observou o reverendo.

Dando continuidade à celebração do culto, foi feita a Leitura de Ensinamento, cujo tema foi “O valor do homem reside no seu espírito de Justiça”, extraído do Volume Único do “Alicerce do Paraíso”, datado de 10/10/1951. 

Segundo o texto, o meio mais eficiente para a avaliação de uma pessoa é o conhecimento do grau do seu espírito de justiça, determinando seu padrão de honestidade, senso de responsabilidade e a confiança que ela inspira. 

“O homem deve abraçar a justiça e marchar destemidamente, tornando-se, assim, sustentáculo da comunidade, baluarte contra o mal social e construtor de uma sociedade sadia, porque Deus não deixará de ajudar os justos”.

O reverendo, ao final, pediu a Deus que os novos dirigentes, no decorrer do biênio em que estarão dirigindo o Tribunal, possam exercer suas atividades com sabedoria, amor, responsabilidade e compromisso, a fim de que a instituição possa atender aos anseios da sociedade, buscando em Deus respostas para suas indagações, mantendo a ordem e o entusiasmo entre todos os profissionais que integram a Justiça do Trabalho no Maranhão.

O desembargador Luiz Cosmo da Silva Júnior, na oportunidade, agradeceu a presença de todos, em especial, a  seus familiares, representantes da igreja e magistrados e servidores, que prestigiaram a solenidade, mesmo estando em horário de trabalho. 

Asseverou que vai precisar de ajuda espiritual para dirigir o Tribunal.  “Nós pensamos que estamos no comando de tudo em nossas vidas, mas tudo em nossa vida está sob o comando de Deus”, disse.  

Observou que  para dirigir o Tribunal tem pedido orientação divina e se colocado como instrumento de Deus. “O que vou fazer não é uma determinação minha; é uma determinação divina. Não estou aqui para servir a interesses meus ou próximos a mim; o interesse é de Deus”. Observou que  o cargo é para servir, encerrando com um lema que o acompanha em seu cotidiano: “Quem não vive para servir, não serve para viver”.

Representantes da Associação dos Servidores do TRT 16 (Astra XVI), Silvia Maria Pontes de Castro e José Vicente Araújo dos Santos, deram as boas-vindas aos novos dirigentes, presenteando-os com uma cesta natalina.  Ao final, houve a entrega das flores de luz, sob o fundo musical  de bossas brasileiras, a exemplo de Wave e Corcovado, interpretadas pela cantora Mila Camões.

Participantes


A solenidade contou com  a presença dos familiares dos futuros dirigentes Luiz Cosmo da Silva Júnior e James Magno Araújo Farias; presentes também os demais desembargadores do Tribunal (a atual presidente Ilka Esdra Silva Araújo, Américo Bedê Freire, José Evandro de Souza e Márcia Andrea Farias da Silva), também presentes os juízes Manoel Lopes Veloso Sobrinho (atual juiz auxiliar da Presidência e titular da VT de Barreirinhas); Manoel Joaquim Neto (titular da VT de São João dos Patos); Liliana Bouéres (titular da VT de Chapadinha); Juacema Aguiar Costa (titular da 6ª VT de São Luís); Maria do Socorro Almeida (titular da VT de Caxias); Maria da Conceição Meirelles Mendes (titular da VT de Pedreiras) e os juízes substitutos Angelina Cristina Carvalho Mota Luna, Paulo Fernando  da Silva Santos Júnior e Carlos Gustavo Brito Castro. Prestigiaram ainda a solenidade a juíza do trabalho aposentada Noélia Mota e o juiz federal Francisco Luís Alves, ministros da Igreja Messiânica e uma grande parte de servidores do Tribunal.



Nenhum comentário: