quarta-feira, 25 de novembro de 2015

Igreja Católica/PI se une a outras religiões na primeira marcha pela vida - Por Vera Alice Brandão



A Arquidiocese de Teresina/PI apóia a: 

I Marcha pela vida

Que ocorre no dia 12 de dezembro, com o tema: “Na defesa do direito dos inocentes”. 

A iniciativa vai contar com a união das Igrejas Católica, Evangélicas, dos Espíritas, da Maçonaria e de outras frentes e movimentos que são contrários ao aborto e terá concentração a partir das 16h, na Ponte Estaiada, seguindo pela Avenida Raul Lopes.

A realização da I Marcha é do Movimento Brasil sem Aborto, iniciativa de caráter nacional, suprapartidário e suprarreligioso que percorre escolas, bairros e faculdades com a missão multiplicadora de formar defensores da vida, através da conscientização sobre os males físicos e psíquicos causados na mulher pelo aborto. Da mesma forma, o movimento luta contra a possível legalização do aborto no Brasil pelo Congresso Nacional. 

“Nossa missão maior, além do engajamento na causa como multiplicadores, é defender os direitos dos inocentes, conscientizando jovens e adultos para não praticarem esse ato contra a vida”, explica Rubenita Lessa que é advogada e presidente do Movimento Brasil sem Aborto no Piauí.

“Independente do credo e da ideologia política, temos que defender o direito à vida, que é o direito mais essencial. Não existe nenhum outro direito se não existir o direito à vida. Nossa defesa é pela valorização humana desde a concepção. Todos nós tivemos nosso direito à vida respeitados antes mesmo de nascer, e é por isso que todo cidadão deve abraçar essa causa e defender aqueles que já foram concebidos. É sobre eles que deve recair a maior proteção, pois são indefesos”, finaliza.

Haverá apresentações artísticas e bandas locais que animarão o público presente. As camisas da Marcha estão sendo comercializadas no valor de R$ 20,00 na sede do Centro Pastoral Paulo VI.






Nenhum comentário: