segunda-feira, 23 de fevereiro de 2015

“Glory" de John Legend e Common ganha o Oscar de melhor canção original


"Glory" composta e gravada por John Legend e Common do filme: "Selma: Uma Luta Pela Igualdade", ganhou o Oscar de melhor canção original na noite de ontem (22/02). 

A música foi a última das cinco indicadas a ser executada na transmissão do evento e emocionou a plateia. 


Durante o discurso de agradecimento os vencedores fizeram um pronunciamento político. "Selma" trata da marcha organizada por Martin Luther King na ponte que ligava as cidades de Selma e Montgomery no Alabama para conscientizar o povo e o governo dos EUA sobre a urgência de se garantir à população negra americana uma série de direitos básicos, como o do voto.

Common disse que aquela ponte não é mais um símbolo pela luta dos diretos civis, mas sim pela discriminação baseada em "raça, sexo, religião, orientação sexual e status social." 

Ele ainda dedicou o troféu para aqueles que protestaram em Ferguson, Chicago depois do assassinato de Michael Brown, pela liberdade de expressão na França ou em Hong Kong em busca da democracia.

Na hora de falar, Legend lembrou que atualmente há mais negros em penitenciárias e instituições corretivas nos EUA do que na época da escravidão em 1850. " 'Selma é sobre o agora, porque a luta pela justiça acontece agora!" disse o cantor, aplaudido de pé.

O outro prêmio musical da noite, o de melhor trilha sonora, foi para Alexandre Desplat por seu trabalho feito em "O Grande Hotel Budapeste".



Nenhum comentário: